7º Dia: Bally’s e Beatles

20/11/2011

Bally'sAcordamos cedo para fazer o check out no Hilton, o check in no Bally’s e devolver o carro na Fox. A diária no Hilton já estava paga via Booking e saiu por U$ 119.00 sem taxa incluída. A taxa ficou em U$ 14.28 e para quem é hóspede, o estacionamento que custa U$ 8.00, é grátis. Se você ficar hospedado na Las Vegas Boulevard (The Strip) não necessitará de carro, pois é nessa avenida que tudo acontece!

Saímos do Hilton para o Bally’s onde ficaríamos até o fim da viagem. O Bally’s é enorme. A começar pela esteira rolante que você pega para chegar até a entrada do prédio. Não é dos hotéis mais estonteantes, mas um ótimo custo benefício. As quatro primeiras diárias custaram no total R$ 248,00 reais. Depois resolvemos adicionar mais uma diária que custou R$ 105,00 reais. As reservas foram efetuadas através do Decolar e já incluem taxas. Localiza-se na Strip, então significa que você estará a pouca distância (a pé) das melhores atrações e agitos de Vegas.

Sempre que você adentrar a porta do Bally’s terão figuras diferentes posicionadas bem na entrada interessadas em puxar papo com você, perguntando sobre seu estado civil. Não dei muita atenção ao papo, mas deduzi, e me corrijam se eu estiver errada, que eles estão interessados em promover aqueles casórios nas famosas capelas de Vegas. Em algum momento você perderá a paciência com esses papos, pois não importa se o sujeito que está lá já o viu entrando no hotel 78 vezes, você será abordado 78 vezes eheheheh. Aproveito para ensinar um truque, mesmo que você seja fluente em inglês, quando ele ou ela se aproximarem, diga logo que não fala inglês (em português mesmo).

O check in no Bally’s acontece a partir de 16:00hs. Como ainda faltavam algumas horas para podermos usufruir do quarto, fizemos o check in e deixamos as malas guardadas num depósito que eles dispõem para essa finalidade. Quando chegássemos, era só discar para a recepção, dizer o número de controle que você recebe e solicitar as bagagens diretamente no quarto. Fácil, né? Nem tanto, principalmente quando você é recém-chegado e seu ouvido não está apurado para o inglês nativo. Via telefone à situação piora um pouco. Mas tudo é questão de costume e com algumas horas de prática você vai desenferrujando seu inglês.

Após deixar as malas, fomos a Fox Rent a Car próxima ao Aeroporto Internacional McCarran devolver o carro. A diária do carro com quilometragem livre saiu por U$ 130.68. A Fox tem um serviço de micro-ônibus que faz o traslado gratuito até o aeroporto. Nesse percurso está um dos outlets de Las Vegas, o Las Vegas Premium Outlets – North, complexo de 150 lojas com alguns precinhos bem camaradas, para seu deleite. Um segredo: ao se cadastrar no site dos outlets, você têm acesso a vários cupons de descontos, alguns deles cumulativos com o desconto que a loja já oferece. Separamos alguns, mas não deu tempo de imprimir, então, perguntamos ao motorista do transporte da Fox onde poderíamos encontrar tal serviço e o mesmo nos indicou os correios. Tem uma USPS pertinho do outlet e o motorista nos deixou quase em frente. Imprimimos os cupons, recortamos e fomos às compras iniciais. Outra opção é ir até o balcão/quiosque do próprio outlet e, de posse do VIP Cupom solicitar gratuitamente o livreto que contém todos os cupons ou adquiri-lo por U$ 5.00. Eu prefiro selecionar os cupons antes de viajar, assim economizo tempo e já vou direcionada as lojas de minha preferência.

Compras realizadas, pegamos um táxi para voltarmos ao Bally’s. O taxista era natural da Etiópia. Chegamos exaustos e em cima da hora para o próximo Cirque Du Soleil, The Beatles Love, sessão das 19hs. Anda-se muito para chegar ao quarto, o hotel é enorme. O corredor do andar é imenso e tem um aspecto meio sombrio. Ao chegar à porta do quarto, lembramos que estávamos sem a chave. Descemos para buscar as chaves. Liguei para o serviço de quarto e solicitei as bagagens. Chegamos ao quarto 5618 localizado na Torre Sul. O quarto é grande, fica na área para não fumantes, tem o piso todo coberto por carpete, janela central com vista para a The Strip, mesa de apoio e tv.

Las Vegas1

Foi aquela correria para tomar banho, trocar de roupa e saber a direção do The Mirage, palco do próximo Cirque a que assistiríamos. Andar por Vegas a noite é um encanto, é uma explosão de gente de todas as nacionalidades, muita coisa acontecendo, muita luz, muitos sons, efeitos especiais… É um caldeirão de acontecimentos.

The Beatles Love é muito bom, mas não se compara ao “O”. Como o nome já diz, é um passeio pelas diversas fases da carreira dos Beatles, citando fatos históricos e costumes da época. Relata a trajetória dos Beatles de forma teatral emoldurado pelas canções do quarteto de Liverpool. Compramos os dois tickets diretamente no balcão no teatro em assentos bem localizados na fileiras da frente e custaram com taxas, $290.70.

Las Vegas

Voltamos ao Bally’s. Cada cassino é uma imensidão. São muitas modalidades de caça-níqueis, pôquer e outros jogos de mesa, apostas em corridas de cavalos e outras modalidades esportivas. Há diferentes restaurantes, boates, shows, lojas, enfim, uma infinidade de diversão. Os hóteis são interligados através dos cassinos, por exemplo, o Bally’s é ligado ao Paris. Sentamos no Tequila Bar and Grill para beber e comer alguma coisa. Enquanto isso, no The Indigo Lounge rolava um show com um quarteto de negrões, todos de paletó amarelo, cantando em coro no melhor estilo soul/black music. E somente agora descobri que a banda se chama Next Movement. Olha, arrasaram!

>> USPS: 1001 E Sunset Rd Unit 1001, Las Vegas NV 89199-9712 Tel: (702) 361-9200.

>> Las Vegas Premium Outlets – North: 875 South Grand Central Parkway Las Vegas, NV 89106 Tel: (702) 474-7500.

>> Bally’s: 3645 Las Vegas Boulevard South, Las Vegas, NV 89109 Tel: (877) 603-4390.

>> The Miráge: Endereço: 3400 S Las Vegas Blvd, Las Vegas, NV 89109 Tel: (702) 791-7111.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *